Menu

2 de fevereiro de 2016

Chuva de verão

It's raining

     Eu sentei na cadeira, depois de ter passado pano na casa, lavado a louça, pego a roupa da máquina e colocado no varal. Eu sentei e respirei fundo, abri meu notebook e liguei, indo direto no site que eu tanto gosto. Coloquei os fones no ouvido e dei o play no vídeo daquele canal engraçado e fiquei rindo durante os seus seis minutos de duração.

     Tirei o fone, recuperando o fôlego e ainda achando graça de algumas partes do que havia acabado de assistir. Joguei os braços pro alto enquanto me espreguiçava e, aos poucos, fui percebendo um barulho diferente ao do canto dos passarinhos que sempre enchem as minhas tardes... Olhei para a janela e a ficha caiu dois segundos depois, estava começando a chover.

     Levantei num pulo que me deixou meio tonta, ouvindo o cachorro que estava deitado aos pés da minha cadeira choramingar. Pulei os outros dois que se levantavam assustados e corri lá pra fora, esquecendo o chinelo pelo meio do caminho. Eu puxava as roupas do varal com força, me irritava com os pregadores que atrapalhavam meu serviço e gritava para os cachorros, que haviam me seguido, voltarem pra dentro.

     Entrei em casa pela porta da cozinha, os braços cheios, pesados, com a roupa ainda molhada. Coloquei tudo na mesa da cozinha, já indo de comodo em comodo, fechando as janelas, puxando com o pé os tapetes que já tinham molhado. Após tudo fechado, rearrumei o tapetinho e comida dos cachorros do lado de dentro, desci pra lavanderia com as roupas e tive que estender lá mesmo, tudo de novo, na sala pouco ventilada.

     Quando subi estava cansada, respirando fundo, mas já conformada. Voltei pra minha cadeira e sentei, apoiando as costas no encosto e fechando os olhos. Inspirei profundamente e expirei, prestando atenção no silencio, então eu sorri ao ouvir os passarinhos. O sorriso morreu, olhei pela janela e vi o sol brilhando... A chuva havia passado.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...