Menu

10 de janeiro de 2014

Gente infeliz.

be happy, please

      Pessoas infelizes, que não se aceitam, são medíocres e se sentem melhor rebaixando os outros. Pessoas que não tem vida própria e vivem a espreita, caçando erros ou deslizes alheios pra berrarem pro mundo, se divertindo a custa dos outros. Pessoas que sentam em cima do próprio rabo, escondendo e ignorando seus próprios erros e falhas, mas ficam apontando do rabo de fulano ou beltrano. Pessoas que não sabem fazer um agradecimento, oferecer uma ajuda sincera ou reconhecer algo bom ou vitorioso que alguém fez. Pessoas que causam pena.
      "Torço pela felicidade dos outros: gente feliz não enche o saco" (e cuida da própria vida). Não sei quem foi o sábio que escreveu isso, mas assino embaixo com toda certeza! Pessoas felizes não perdem tempo apontando ou criticando os outros. Elas não precisam da desgraça alheia pra se sentirem melhores na podridão em que vivem. Quando elas dizem algo (crítica, conselho, ajuda) é com a melhor das intenções, porque querem ver o outro evoluir. Pessoas felizes não se sentem superiores porque o outro errou, falhou, caiu. Se alguém sabe mais, elas aprendem. Se alguém sabe menos, elas ensinam na medida em que podem.

Pessoas infelizes não são o diabo. Pessoas felizes não são santas.

       Ás vezes acontece de ficarmos felizes ou acharmos graça de algo que aconteceu com o outro. A fofoca de algum famoso, ou o barraco que aconteceu na festa de alguém. Acho que faz parte da vida e de ser humano. Mas não precisa ir lá e cutucar, criticar, ridicularizar, esfregar o dedo na ferida, humilhar, zombar. Isso é feio e pode estar machucando alguém. O que é uma brincadeira (diversão) pra um, pode ser desastroso para o outro. Nunca se sabe o que se passa na vida e na cabeça de alguém.
       Muitas vezes um dia é estragado por uma bobagem dita. Algo que pra alguém é só uma piada ou zoação sem sentido, pode atingir e magoar uma pessoa. Infelizmente as pessoas e seus sentimentos não são levados em consideração como deveriam. Há pessoas egoístas e egocêntricas em todos os lugares, o tempo todo. Se parassem pra pensar e se colocassem no lugar do outro por um instante, muita coisa poderia ser evitada.
      Espero que um dia as pessoas consigam entender que a felicidade vem de dentro. E que pra ser feliz só depende de si mesmo... Não do outro e muito menos da infelicidade dele.

Este post foi agendado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...